atendimento@sintraed.com.br

(14) 3226-3158 - 3879-7984 - 3879-7985

Notícia

21/11/2014
Auto Escolas poderão ser obrigadas a dar aulas práticas categoria A/B nas ruas.

COMUNICADO SINTRAED

(Referente PLS 454/2012)

Auto Escolas poderão ser obrigadas a dar aulas práticas categoria A/B nas ruas.

A Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) aprovou em decisão terminativa, nesta quarta-feira (29), projeto de lei da senadora Ana Amélia (PP-RS) que obriga as autoescolas a promoverem aulas práticas nas ruas durante a formação dos motoristas (PLS 454/2012). A proposta recebeu parecer favorável do relator, senador Anibal Diniz (PT-AC), e seguirá direto para a Câmara dos Deputados se não houver recurso para votação pelo Plenário do Senado. Na avaliação do relator, o PLS 454/2012 contribui para qualificar o processo de formação de condutores e, por consequência, elevar os padrões de segurança no trânsito. Ana Amélia chamou atenção, na justificação o projeto, para o elevado número de auto escolas que treinam os aprendizes, especialmente os motociclistas, somente em circuitos fechados. A senadora admite que as primeiras aulas sejam realizadas em áreas especiais até que os alunos estejam “no domínio de seus veículos”. Ela não considera razoável, porém, que todo o treinamento ocorra fora de ruas e avenidas, já que é esse “o ambiente real em que os ex-aprendizes já habilitados conduzirão suas motocicletas”. A proposta modifica o Código de Trânsito Brasileiro (CTB) e determina que o Conselho Nacional de Trânsito (Contran) fixe a carga horária mínima a ser exigida para a prática de direção em vias públicas durante o processo de aprendizagem.COMUNICADO SINTRAED

(Referente PLS 454/2012)

Auto Escolas poderão ser obrigadas a dar aulas práticas categoria A/B nas ruas.

A Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) aprovou em decisão terminativa, nesta quarta-feira (29), projeto de lei da senadora Ana Amélia (PP-RS) que obriga as autoescolas a promoverem aulas práticas nas ruas durante a formação dos motoristas (PLS 454/2012). A proposta recebeu parecer favorável do relator, senador Anibal Diniz (PT-AC), e seguirá direto para a Câmara dos Deputados se não houver recurso para votação pelo Plenário do Senado. Na avaliação do relator, o PLS 454/2012 contribui para qualificar o processo de formação de condutores e, por consequência, elevar os padrões de segurança no trânsito. Ana Amélia chamou atenção, na justificação o projeto, para o elevado número de auto escolas que treinam os aprendizes, especialmente os motociclistas, somente em circuitos fechados. A senadora admite que as primeiras aulas sejam realizadas em áreas especiais até que os alunos estejam “no domínio de seus veículos”. Ela não considera razoável, porém, que todo o treinamento ocorra fora de ruas e avenidas, já que é esse “o ambiente real em que os ex-aprendizes já habilitados conduzirão suas motocicletas”. A proposta modifica o Código de Trânsito Brasileiro (CTB) e determina que o Conselho Nacional de Trânsito (Contran) fixe a carga horária mínima a ser exigida para a prática de direção em vias públicas durante o processo de aprendizagem.

Simone Franco e Elina Rodrigues Pozzebom | 29/10/2014, 12h36 – ATUALIZADO EM 29/10/2014, 14h49 Fonte: Agência Senado

O Sindicato dos trabalhadores estará acompanhando de perto a votação na câmara dos deputados e pelo plenário do senado. Entendemos de suma importância a aprovação desta PLS, a qual deverá beneficiar todos os instrutores e alunos para o melhor aprendizado, além de que o direito a 30% a titulo de periculosidade para os instrutores em motos.

(visite nosso site www.sintraed.com.br) TEL: (14) 3226-3158

BAURU, 21 DE NOVEMBRO DE 2014.

Simone Franco e Elina Rodrigues Pozzebom | 29/10/2014, 12h36 – ATUALIZADO EM 29/10/2014, 14h49 Fonte: Agência Senado

O Sindicato dos trabalhadores estará acompanhando de perto a votação na câmara dos deputados e pelo plenário do senado. Entendemos de suma importância a aprovação desta PLS, a qual deverá beneficiar todos os instrutores e alunos para o melhor aprendizado, além de que o direito a 30% a titulo de periculosidade para os instrutores em motos.

(visite nosso site www.sintraed.com.br) TEL: (14) 3226-3158

BAURU, 21 DE NOVEMBRO DE 2014.